terça-feira, 8 de abril de 2008

12 Km de Salvaterra de Magos


No dia 30 de Março lá fomos participar em mais uma. Desta vez o destino era Salvaterra de Magos e levávamos na ideia as enguias. Nada como juntar a gastronomia com o desporto, portanto venham elas.

O que pensávamos ser um excelente dia de sol revelou-se num dia cada vez mais cinzento à medida que nos aproximávamos de Salvaterra. Momentos de temporal violento deixavam todos cabisbaixos. Que raio de dia! E nem um chapéu de chuva na mala...

Felizmente o tempo tão depressa melhorou como tinha piorado e ao chegar só já havia um céu cinzento que a pouco e pouco ia melhorando. Acabou por ser um excelente dia, cinzento e fresco, para correr. Apenas o vento prejudicou aqui e ali a progressão durante a corrida.

A corrida deixou-se fazer. O percurso é simpático embora um pouco monótono com rectas gigantescas e perder de vista. Parece que se vai sempre a descer embora as pernas achem que se vai sempre a subir. Fomos até aos confins de uma estrada municipal e depois desfizemos a ida. Estiquei um pouco a corda para fazer 57 minutos e talvez por isso ainda hoje estou a pagar a factura. Acho que não foi só a corrida. Talvez tenha aumentado o ritmo de treino em Março em demasia e esta corrida foi a gota de água.


Após a corrida e um banho reconfortante rumámos ao Zé do Moinho onde nos deliciámos com umas belas Enguias fritas.



Aqui estão os resultados.

Uma referência publicitária ao site que registou em fotografia a corrida de Salvaterra. Visitem P.P.P. Estúdio

Sem comentários:

Publicar um comentário