quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Back to Business

Muita coisa aconteceu desde que aqui escrevi pela ultima vez: o fim da época, seguido de uma lesão, e agora o retomar do vício.

Detalhando um pouco mais.

Entre o mar e a Serra - 30 de Maio

Desta vez fomos preparados para o almoço. A prova decorreu dentro do esperado. É uma excelente prova por trilhos da serra de sintra. Sabe bem correr por aquela natureza toda, desfrutar das vistas magníficas, respirar aquele ar saudável. Descer até á praia, subir á montanha e voltar a descer para Janes. Embora me tenha andado a baldar qb aos treinos, estava numa forma aceitável. Nota-se bem pelo tempo que consigo aguentar aquelas subidas sem ter de meter a passo. A Dora voltou a estar presente na caminhada. Desta vez, tal como prometido o ano passado, íamos ficar para o almoço. E quando chegámos lá estava o porco a rodar num espeto. Que troféu.
O problema é que por volta das 11h estávamos despachados das 2 provas. E era preciso esperar pelo almoço. Por sorte precisávamos de fazer umas compras e havia um supermercado razoável aberto. ìamos ver os Black Eyed Peas nessa tarde e deu jeito poder comprar ali o lanchinho. Mas depois das compras só nos restava esperar. E esperar. E esperar. E desesperar. E assistir á entrega das medalhas, taças, tacinhas, cheques, flores, secas infinitas. Acho que já passava das 2 da tarde quando deixaram finalmente comer o raio do porco. Que pena. O porco acabado de grelhar é delicioso, bom pão, imperial geladíssima á descrição, batata frita titi. Não fica a faltar muita coisa para uma comezaiana perfeita. E digo que pena porque não me vão apanhar noutra seca destas. É um abuso deixarem as pessoas sem comer até às 2 da tarde. Deviam pensar numa forma de não marterizar ninguém. Resumindo, prova sim senhor, almoço nunca mais. A não ser que a organização explicitamente afirme não tornar a repetir a gracinha.


Corrida do Oriente - 6 de Junho

Mais uma prova sem grande história. A Dora baldou-se dado que havia uma almoçarada em casa de amigos nessa tarde e em provas de 10Km o cansaço deixa marcas para o resto do dia. Assim fui num instante correr os 10Km da praxe e voltei para casa. Não estava muito calor. Fiz um excelente tempo e num instante me pus a milhas. Este ano por causa da crise não houve geladinhos e iogurtes e outras iguarias.


Embora nestes últimos meses me tenha baldado a imensos treinos, devido sobretudo a algumas alterações da rotina de final de dia a coisa lá ia funcionando nos mínimos. Sentia-me um pouco mais pesado do que o costume mas fisicamente continuava a conseguir ter energia para fazer tempos razoáveis. À custa de um maior esforço obviamente. Numa das corridas de final de tarde pela arriba fóssil da costa um escorreganço e um pé preso fizeram estalar um ligamento no pé. Pronto. Estou feito! A cerca de 3Km de casa, superada a dor inicial, devido a estar quente ainda conseguir correr a coxear até casa. Estava aberto caminho para 2 a 3 semanas de recuperação.  Falhei a marginal à noite, as fogueiras e ainda a corrida da SCML em 4 de Julho.

Corrida da Lagoa de Santo André - 10 de Julho

Ainda hoje sinto aqui uma moinha quanto mais no dia 10 de Julho quando reiniciei a actividade. Mas tinha de ser. Já tinha feito alguns treinos de teste. Doía um pouco principalmente nos extremos do movimento do pé mas no dia a seguir não agravava portanto era sinal que a corrida não estava a fazer mal. Sendo assim lá fomos passar o dia na Lagoa e que excelente dia de praia estava. A lagoa estava fantástica. Muito limpa. Gosto muito de visitar esta Lagoa. O pessoal diverte-se imenso e é sempre um dia de praia magnífico. O pior foi ao final da tarde com o calor a cobrar a factura do excelente dia. Fui devagarinho, sofrendo, mas tudo decorreu sem problemas. No final um belo banho na Lagoa e um jantar no Cruzamento. Um dia inesquecível em que se mistura praia, exercício físico e boa comida alentejana. Esta fórmula de sucesso vai ser seguramente repetida muitos e muitos anos.

E agora o que vem aí

Após o PEA (Período de Engorda Anual) já retomei os treinos. Este ano não queria ter feito um PEA, mas a lesão, o calor que tem estado e uma necessidade de quebrar um pouco a rotina de treinos, acabam por ser mais fortes que eu. Depois quando a roupa começa a encolher percebo que está na hora de calçar os ténis e retomar a vida saudável.

Neste momento já estou a tentar entrar no esquema de treinos para a Maratona do Porto. É bom ter um esquema e um objectivo. Melhor ou pior este é o esquema que descarreguei para o meu Garmin. Com o Garmin a controlar o meu treino é fácil fazer todos aqueles treinos com séries, distâncias, ritmos, etc. Só tenho de escolher o local adequado a cada treino e o Garmin trata do resto.

Esta época vai girar em torno de 4 maratonas sendo que 1 delas não sei ainda se vou fazer.

7 de Novembro  - Maratona do Porto

A minha 2ª Maratona. Estou com muita expectativa para fazer esta prova. Ao que consta muito bonita, com um bom percurso e boa organização. Lá estarei.

8 de Dezembro – Maratona de Lisboa

A ver vamos. Conforme me sentir após a Maratona do Porto. O percurso parece muito semelhante ao do ano passado. Embora com um final muito massacrador, gostei da voltinha. Não gostei muito da organização e de alguns problemas com a pasta party que é só para estrangeiros, etc. etc. Se estiver tudo bem talvez vá. É porque depois em Fevereiro há outra a que também quero ir.

10 de Fevereiro – Maratona de Sevilha

Esta podia ter sido a minha 1ª maratona mas do grupo que se formou para ir só eu é que resisti. Acabei por perder a pica e também não fui. Mas é uma prova fantástica, com partida e chegada ao estádio Olímpico. E com uma excelente organização quer por lá, quer por cá na viagem do mundodacorrida.com. A ver se finalmente não falho.

10 de Abril – Maratona de Paris

Mais uma para não falhar. A ver se conseguimos juntar várias coisas em 1 viagem fantástica.

Bom mesmo que faça apenas 3 já é excelente. Quanto mais 4… num ano. Vamos ver se consigo atingir e manter um pico de forma que me permita, sem desfalecer, ir participando em todas estas provas.

Para já vou continuado a meter Km’s e horas nos pés. Bons treinos pessoal. Toca a dar às pernas.

Sem comentários:

Publicar um comentário