domingo, 10 de novembro de 2019

Via Valais - A aventura para 2020 começa a ganhar forma


Foi na Suiça que tive a sorte de correr nos mais belos trilhos do mundo. Vai fazer 4 anos desde a mega aventura de Haute Route. Ao mesmo tempo que fizemos a nossa viagem, Portugal viajava também até à final do europeu de futebol. E quis o destino que víssemos o maior feito da nossa selecção em Genebra. Tudo somado foi uma viagem de sonho. Não faço ideia se vamos estar no europeu de 2020, mas está na hora de começar a planear a mega aventura de 2020.
Se quiserem relembrar um pouco o que foi Haute Route é só lerem ou relerem os vários capítulos da aventura a começar pelo planeamento da coisa.

E se sabia que havia de voltar um dia, quando descobri a Via Valais, estava definido o que iria fazer no regresso à Suiça.

Vamos optar pela travessia de 6 etapas (140 km com 9.000m D+). Por vários motivos, mas principalmente para não se gastarem tantos dias e secundariamente para não se gastarem tantos €uros que os suiços são ricos. Mas a malta pobre também pode petiscar um pouco. No final de cada etapa há sempre hipótese de subir a um cume perto e fazer mais algum D+ se estiverem para aí virados.

Serão necessários 8 dias. Resumidamente:

STAGE 1 CRÊT DU MIDI TO CAB. DE MOIRY 
26km 1611+/1111m- 

STAGE 2 CAB. DE MOIRY TO ZINAL
24km 1064m+/2215m- 

STAGE 3 ZINAL TO TURTMANN HUT
19km 1687m+/841m- 

STAGE 4 TURTMANN HUT TO RANDA
18km 1376m+/2453m- 

STAGE 5 RANDA TO MOUNTAIN LODGE ZE SEEWJINU
25km 2025m+/1171m- 

STAGE 6 MOUNTAIN LODGE ZE SEEWJINU TO ZERMATT
27km 1254m+/1942m-

Talvez se possam juntar 2 etapas, mas ainda é cedo para esses detalhes. Para já o melhor é contar com tudo e depois logo se vê.

Claro que vamos passar no trilho Europaweg e na ponte suspensa mais longa do mundo (500m e desta vez há-de estar aberta) e muito mais maravilhas nos aguardam: glaciares, vias ferratas, abrigos de montanha a mais de 2800m com vistas de cortar a respiração e sobretudo muitos imprevistos, paisagens e momentos inesquecíveis.

Agora o que preciso é de saber se há alguém interessado em vir comigo. Será em meados de Julho e quem primeiro se chegar à frente pode ajudar a decidir a semana certa. Será um preço fechado com todas as marcações em abrigos e hotéis, transferes, etc. e haverá lugar ao pagamento de um valor de inscrição para evitar as baldas de ultima hora (e o consequente agarranço de quem tudo marcou e planeou). 

Para já a inscrição é apenas provisória dado que não há ainda certezas. Basta enviarem um mail para treinoslunares@gmail.com, sem qualquer compromisso nesta fase.

Sem comentários:

Publicar um comentário